Assembleia de Deus oferece R$ 400 mil para arrendar TV Arapuan; emissora deve demitir funcionários e mudará programação

Do Polêmica PB O empresário João Gregório, diretor do Sistema Arapuan, está prestes a fecha...



O empresário João Gregório, diretor do Sistema Arapuan, está prestes a fechar negócio com o complexo de igrejas evangélicas “Assembleia de Deus” para arrendar o canal de televisão e se livrar dos problemas políticos que adquiriu este ano.

O empresário recebeu a proposta de arrendamento por R$ 400 mil/mês num acordo conhecido por “porta fechada”, no qual todo conteúdo da emissora, funcionários e dívidas de manutenção passam para a responsabilidade da Assembleia de Deus. João também recebeu o lance de contrato no valor de R$ 350 mil para ficar responsável pelo pagamento de energia e manutenção de equipamento, mas Gregório quer mesmo é se livrar de todos os problemas com a emissora.

A TV Arapuan retransmite a programação nacional da Rede TV, mas João Gregório estaria em negociação para cancelar o contrato nacional e formalizar parceria com a ‘Bandeirantes’, que faz parte do grupo estadual “Clube”. Contudo, as negociações ainda não avançaram.

Após os boatos sobre o arredamento da emissora, outra Igreja que apresentou interesse em negociar o canal de televisão foi a “Universal do Reino de Deus”. O contato comercial da igreja teve reunião com o diretor da TV Arapuan e apresentou oferta tentadora.

Ainda não há confirmação se o contrato foi formalizado. Mas alguns profissionais da empresa, a exemplo dos jornalistas Marcone Ferreira e Petrônio Torres, estão seguindo outros caminhos.

Marcone foi demitido e atribuiu a envolvimentos políticos o motivo de ser dispensando “sem comunicação prévia”. Informações dão conta de que João Gregório estaria sofrendo pressão por manter alguns profissionais que divergiram de grupos políticos que investem na emissora.

Em conversas recentes, Gregório já dava indícios de que se afastaria do comando da TV Arapuan e a emissora não teria mais a programação com conteúdos políticos ou os programas que são exibidos atualmente.

***

#SintoniaFina #Política

Você pode gostar também

0 comentários