Apesar do transtorno, obras de drenagem avançam no centro de Guarabira

Na manhã desta quarta-feira (10), em meio ao trânsito parado em virtude das obras de drenagem e...


Na manhã desta quarta-feira (10), em meio ao trânsito parado em virtude das obras de drenagem executadas pela gestão de Zenóbio Toscano (PSDB) no centro de Guarabira (PB), duas pessoas conversavam na praça. O assunto era, justamente, sobre a obra que o governo municipal está fazendo para evitar que novas enchentes ocorram em períodos de chuva, causando prejuízos, sobretudo, aos comerciantes do local.

Durante o diálogo, eu observei que um deles tinha questionado e o outro estava tentando explicar e convencer o amigo de que o transtorno causado pela obra nas principais vias da cidade é compreensível e inevitável, pelo tipo de serviço e pela localidade em que está sendo executado. Na mesma hora, eu me lembrei do que escrevi aqui tentando justificar o “caos” no centro da cidade.

Insisto, então, naquilo que escrevi fazendo justiça contra quem critica, apenas, por criticar a atual gestão. Em alguns pontos, realmente, há certo transtorno no canteiro central, mas nada que impeça o ‘direito de ir e vir das pessoas’, nem a circulação de veículos pelo local. Tudo o que está sendo feito é necessário para que a obra aconteça e continue avançando. E a obra avança. Portanto, muita calma nessa hora!

Para concluir o meu texto, eu entendo que essa obra não está sendo feita para criar problemas ou promover o prefeito, mas para solucionar um problema antigo: as enchentes e inundações no centro de Guarabira. Zenóbio, no entanto, teve sorte de ser leito e, principalmente, coragem para criar um projeto e desenvolvê-lo. Certamente ele será lembrado por isso. É justo. Psiu! Não dava mais para adiar este serviço, que também só poderia ser feito numa gestão ousada e capaz de lidar com críticas.

Por fim, tenho feito minhas críticas à gestão de ZT. E ele, inclusive, sabe disso. Porém, em relação à drenagem as águas, o resultado desse serviço eu e você só vamos ver no futuro, caso estejamos vivos. Por isso que nenhum transtorno momentâneo, como o que a gente observa agora, pode e deve ser comparado ao benefício que esta obra trará quando, de fato, for concluída. Vamos aprender a olhar para o futuro, gente. #Política

Padrão nas calçadas

Homens trabalham na Rua João Gomes Maranhão, centro comercial de Guarabira

Além da obra de drenagem, a Prefeitura de Guarabira também está alargando e padronizando calçadas, visando garantir mais mobilidade e segurança para transeuntes. #Política

Você pode gostar também

3 comentários

  1. De fato, a obra é gigante e Zenóbio Toscano foi muito ousado e corajoso em fazê-la. Transtornos estão acontecendo com certeza, mas certamente não será em vão, a cidade vai ganhar e muito com a nova drenagem do centro.

    ResponderExcluir
  2. Quem era Ikeda? Há pouco tempo cuspia em nós (situacionistas) a frase do Millôr e agora subiu de patente. É cabo.
    Abraço, amigo.

    ResponderExcluir
  3. É, mas esse "padrão das calçadas" lá na João Gomes Maranhão tem uma parte que está bem maior que a própria calçada, quero ver como aquilo alí vai ser solucionado.

    ResponderExcluir