Coluna Manchete - 07 de março de 2015

Está no ar a 47ª edição da coluna semanal Manchete, um suplemento do Blog Caderno de Matérias do ...

Está no ar a 47ª edição da coluna semanal Manchete, um suplemento do Blog Caderno de Matérias do Ikeda. A proposta é repercutir e adiantar, de forma resumida, os fatos mais importantes da semana e o que ainda há de acontecer, em até 140 caracteres. #Manchete

Telefonia móvel

A coluna lembra que os celulares da Paraíba ganharão o nono dígito no mês de maio.

Telefonia móvel II

A intenção é aumentar o número de linhas disponíveis no país.

Telefonia móvel III

Até o fim de 2016 o 9º dígito será implementado em todo o Brasil.

Conta de luz

Na Paraíba, a conta de luz subiu 3,8% para 1,3 milhão e clientes da Energisa PB e 5,7% para 196 mil clientes da Energisa Borborema.

Campanha antecipada

Atenção! Nenhum tipo de propaganda antecipada para as eleições de 2016 será tolerado pelo Ministério Público Estadual.

Campanha antecipada II

O alerta foi dado por João Bernardo da Silva, procurador regional eleitoral. Denúncias podem ser feitas junto ao MPE.

Guarda armada

Pelo aumento da violência, as guardas municipais de João Pessoa, Campina Grande, Cadebelo e Patos, poderão passar usar armas de fogo.

Guarda armada II

Uma Lei de 2014 e o Estatuto do Desarmamento dão essa possibilidade.

Paralisação

Os professores da rede municipal de ensino em João Pessoa param na próxima terça-feira e quarta-feira.

Paralisação II

Eles querem reajuste de 16% para a categoria.

Médicos querem aumento

O Sindicato dos Médicos da Paraíba encaminhou aos planos de saúde um pedido de reajuste.

Médicos querem aumento II

A categoria quer reajuste de 7,47% nos preços de consultas e procedimentos. As partes têm até 31 de março para chegar a um acordo.

Saúde

Desde segunda-feira (02) a UPA de Guarabira está fazendo exames cardiológicos.

Assaltos

Há uma onda de assaltos ocorrendo em Guarabira. Somente durante esta semana, várias pessoas foram roubadas, sobretudo, no Bairro Novo.

AS 7 NOTAS QUE MARCARAM A SEMANA

Prefeito anuncia desativação do Terminal de Integração em JP

Em entrevista a Rádio CBN JP, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, disse que o Terminal da Integração poderá ser extinto. A proposta de desativação já existe, inclusive. A ideia é substituí-lo pelo Terminal Metropolitano, por conta da operação do sistema de Veículos Leves sobre Trilhos (VLT) e da implantação do Bus Rapid Transit (BRT), no futuro.

Mais um banco explodido

Na semana passada bancos aqui da região do brejo foram explodidos em Pilões e Alagoinha. Na terça-feira (03), mais dias agências do Bradesco foram explodidas por bandidos, dessa vez na cidade de Alagoa Grande e em Lagoa Seca. O interessante é que o Bradesco tem sido o alvo principal.

Concurso público na UFPB

A professora Margareth Diniz, reitora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), anunciou na terça-feira (3) a realização de concurso público com 140 vagas para técnico-administrativo distribuídas em cargos de nível médio e superior. A previsão é de que o edital seja lançado ainda no mês de abril.

CPI

Esta semana o deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA) chamou Hugo Motta de “moleque”. O deputado paraibano revidou. Hugo Motta, que preside a CPI da Petrobras, disse que não será fantoche. Após o tumulto, a presidência da CPI convidou Graça Foster, Gabrielli e ex-diretores da estatal para depor sobre envolvimento em desvios de recursos na Petrobras.

Contas aprovadas

O governador Ricardo Coutinho (PSB) teve suas contas referentes a 2013 aprovadas, por unanimidade, pelo Tribunal de Contas da Paraíba. A recomendação do TCE é para que o Estado faça um maior detalhamento dos repasses ao Fundo Previdenciário.

Xuxa na Record

A apresentadora Xuxa assinou contrato com a TV Record. “Estou me sentindo livre. A Record me deixa fazer tudo o que eu quero”, afirmou a apresentadora.

Punição

O Tribunal de Conta da União puniu o ex-prefeito de Duas Estradas, Roberto Carlos Nunes, por fraudes em licitação. Ele terá de pagar multa de R$ 20 mil, e fica inabilitado durante cinco anos para o exercício de cargo em comissão ou função de confiança no âmbito da Administração Pública.

Observações pontuais: Dançando no emprego

Esta semana, uma profissional da saúde foi filmada dançando durante seu período de repouso nas dependências do Hospital de Trauma de Campina Grande (PB). O vídeo foi parar na internet e a repercussão foi grande. Uns ignoraram a ação da enfermeira, achando algo normal. Outros, porém, reprovaram a atitude da moça, que estava com uniforme hospitalar.

Ao tomar conhecimento do fato, o diretor do hospital Geraldo Medeiros demitiu a profissional. Mas, na Assembleia Legislativa, o presidente Adriano Galdino (PSB) propôs requerimento exigindo a readmissão da enfermeira Priscilla Guedes, protagonista dessa história. O deputado agiu como se aquele fosse um emprego político. Sendo ou não, ficou claro como a Saúde é subserviente.

Em entrevista, a enfermeira disse que “não deixaria de atender para brincar”. No entanto, o áudio do vídeo confirma negligência. Ao entrar na sala e encontrar a colega dançando, uma enfermeira-chefe deixa claro que houve ‘abandono de atendimento’. Em bom som é possível ouvir: “ei, a mulher veio chamar pra você trocar a sonda e o soro do pai dela. E você ai dançando!”, disse.

Se houve negligência ou não, a moça estava dançando no lugar errado e na hora errada. Está é a minha opinião.

Entre aspas: "Nesta sangrenta guerra de tronos, não há lugar para a América ou para Israel. Não há lugar para cristãos, judeus ou muçulmanos. Quando se trata de Irã ou do EI, o inimigo do seu inimigo é seu inimigo. Derrotar o EI e permitir que o Irã tenha uma arma nuclear seria vencer uma batalha, mas perder a guerra. Todos nós devemos agir juntos para impedir a marcha de conquista, subjugação e terror do Irã" (disse o premiê de Israel, Benjamin Netanyahu, em discurso controverso no Congresso americano na terça-feira (3))


Você pode gostar também

0 comentários