Está consumado! Jesus deu a vida por mim e por você

‘Semana Santa’. Para mim toda semana é santa e todo dia é santo. Entendo, porém, que este período...

‘Semana Santa’. Para mim toda semana é santa e todo dia é santo. Entendo, porém, que este período, que se repete todo ano, nos convida à uma reflexão e à renovação da nossa fé em Cristo, se é que já temos fé no Filho de Deus.

Sim! Assim como no Natal, a ‘Semana Santa’ provoca reflexão nos cristãos, afinal o Senhor Jesus é o motivo – ou deveria ser - dos memoriais que ocorrem esta semana, como a ‘Paixão de Cristo’, por exemplo.

Eu não tenho dúvidas de que o espetáculo da ‘Paixão’ é bastante comovente, pois nos constrange, mesmo com uma ‘representação distante’ a cerca do Amor de Deus demonstrado em Cristo, na cruz.

Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram” (2 Coríntios 5: 14)

Mas apesar de todo o esforço em reproduzir o sofrimento de Jesus, tenho notado que este espetáculo tem se tornado uma coisa banal. É como se aquilo tudo só tivesse sentido naquele momento.

Além do mais, em alguns casos, convidam ‘todo tipo de gente’ para representar personagens bíblicos, até quem nunca leu ou tem interesse em conhecer e viver a Palavra de Deus. Nada contra, mas...

Longe de mim qualquer preconceito quanto a isso. No entanto, insistindo nessa observação, noto que a ‘Paixão de Cristo’ tem perdido o sentido, e, principalmente, a base bíblica, que é essencial.

Reforço, então, o porquê de eu não ter o mínimo interesse em pagar para ver a ‘Paixão de Cristo’, pelo menos essa que virou comercial à custa do sofrimento do meu amado Jesus, mostrando um Cristo como Ele não é - diferente do descrito na Bíblia.

Contudo, não sou contra a encenação da ‘Paixão do Senhor’ – desde que seja preservado o contexto bíblico e teológico. Até porque, conforme a Bíblia, Jesus morreu e ressuscitou. Jesus vive!

Mas Deus o ressuscitou dentre os mortos." (Atos 13: 30)
 Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito. Vinde, vede o lugar onde o Senhor jazia.” (Mateus 28:6)
E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados.” (1 Coríntios 15: 17)


Se tudo aquilo que for feito em nome do Senhor Jesus não glorificá-lo, primeiramente; e, acima de tudo, não constranger, provocar e nos convidar a uma mudança de vida, é nulo, não tem sentido ou proveito algum.

Portanto, não veja a ‘Paixão do Senhor’ como um mero espetáculo teatral. Jesus Cristo não morreu e ressuscitou para estar em cartaz em lugar nenhum. “Está consumado!” (João 19: 30b) Ele deu a vida por mim e por você. #Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários