Levada a depor pela Polícia Pâmela diz que dinheiro do Jampa financiou campanha de RC e cobra explicações

Do Blog do Helder Moura Sem entrar no mérito do episódio cinematográfico, desta noite de segu...

Do Blog do Helder Moura

Sem entrar no mérito do episódio cinematográfico, desta noite de segunda-feira (dia 8), quando a ex-primeira-dama, Pâmela Bório, foi levada a depor de forma coercitiva, o fato é que este novo capítulo incendiou ainda mais um assunto, que provavelmente não é prudente o governador Ricardo Coutinho jogar mais combustível. Pâmela retornou às postagens no Instagram. E foi ferina.

Pâmela voltou a se referir ao escândalo do Jampa Digital e sua associação com assassinado do jovem Bruno Ernesto, e num certo trecho de suas postagens diz: “A Polícia Federal indiciou 23 pessoas por supostas irregularidades no Jampa Digital e concluiu que recursos do projeto foram desviados para financiar a campanha do atual governador da Paraíba, Ricardo Coutinho”.

Noutro mais adiante, quando defende que a ex-secretária Estela Bezerra se explique sobre o desvio dos recursos num programa que não funciona, alfinetou: “O principal responsável , o ex-prefeito e atual governador Ricardo Coutinho também deve dar explicações à sociedade já que, perante ao Judiciário, ele goza da prerrogativa da imunidade e garantia do foro privilegiado.”





***

#Sociedade #Política

Você pode gostar também

0 comentários