Deputado Raniery visita construção de sede do IFPB de Guarabira em companhia dos senadores Lira e Maranhão

Da assessoria parlamentar O deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) acompanhou, no último fi...

Da assessoria parlamentar

O deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) acompanhou, no último final de semana, os senadores José Maranhão e Raimundo Lira numa visita às obras de construção da sede definitiva do Campus do IFPB de Guarabira, que fica às margens da Rodovia PB 057, que liga Guarabira à Araçagi.

Atualmente funcionando no antigo prédio do CAIC, o IFPB de Guarabira, foi inaugurado em 10 de outubro de 2011, criado a partir do Plano de Expansão III da Educação Profissional do Governo Federal. Desde então, a instituição vem oferecendo cursos de nível médio e superior atendendo as demandas da região do brejo.

Raniery Paulino destacou sua luta, junto a ex-prefeita Fátima e ao ex-governador Roberto Paulino, além do empenho do então senador Vital do Rêgo. Para o deputado, a chegada da instituição “é a maior conquista educacional deste século para Guarabira”.

Na visita, os senadores Maranhão e Lira se comprometeram em apresentar emenda parlamentar para a construção de um restaurante estudantil. A previsão é de que a verba seja disponibilizada ainda este ano.

A primeira etapa do campus definitivo será entregue em dezembro e o refeitório fará parte da segunda etapa, atendendo a cerca de 800 alunos do ensino técnico e superior.

O diretor-geral do Campus Guarabira, Cristiano Lourenço Elias afirma que saiu da visita bastante otimista.

"Diante do comprometimento dos senadores para a liberação desta emenda, acreditamos que poderemos em breve construir o refeitório para atender aos nossos alunos", disse Cristiano.

A visita contou com as participações do deputado Raniery, do diretor-geral do IFPB Cristiano Lourenço, o diretor-administrativo do Campus, Leewerton Marreiro, do ex-governador Roberto, da ex-prefeita Fátima Paulino, os senadores José Maranhão e Raimundo Lira, o vereador guarabirense Saulo Fernandes, além de outras lideranças locais.
***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários