Manuel Júnior é reconduzido e afasta PMDB do governador para disputa de Prefeitura

Do Blog do Helder Moura O deputado Manuel Júnior ganhou a disputa interna pelo comando do PMD...

Do Blog do Helder Moura

O deputado Manuel Júnior ganhou a disputa interna pelo comando do PMDB de João Pessoa e o projeto do partido ter candidato próprio em 2016. Mas, o derrotado não foi simplesmente o deputado Gervásio Maia, que tinha planos de assumir o partido. Quem mais perde, neste primeiro momento, é o governador Ricardo Coutinho.

E por uma razão simples: a ambição do governador era ter um amigo no comando do PMDB, para trabalhar até 2016 o apoio do partido ao seu candidato a prefeito. Neste sentido, saiu perdendo. Não quer dizer, é claro, que seu candidato a prefeito (seja João Azevedo, seja Estela Bezerra), já entra na disputa em desvantagem.

Mas, com certeza, se tivesse o apoio do PMDB já largaria com imensa vantagem, inclusive na previsível queda de braço com o prefeito Luciano Cartaxo. De qualquer forma, o governador não perde de tudo. Afinal, ficou clara a existência de uma parcela significativa de peemedebistas que, se o candidato do PMDB (previsivelmente Manuel Júnior) não for para o segundo turno, defenderão aliança com o candidato de RC.

Manuel Júnior mostra fôlego na arrancada, afinal conseguiu atrair para a convenção do partido, neste domingo, forças expressivas da oposição, como o deputado Ruy Carneiro (presidente do PSDB), o deputado Renato Gadelha (líder do PSC na Assembleia), o ex-deputado federal Leonardo Gadelha, o vereador Raoni Mendes (PDT) e o ex-deputado Major Fábio (Pros).

E se conseguiu reunir emblemáticas forças de oposição, a convenção marcou também a ausência dos deputados Gervásio Filho, Trócolli Júnior e Veneziano, além do vereador Fernando Milanez.  No final, Gervásio perdeu até mesmo o posto de secretário-geral do PMDB em João Pessoa: sua ausência ensejou a indicação do jovem Dhiego Amarante.
***

#Política

Você pode gostar também

0 comentários