Cooperativa defende médico que divulgou vídeo no Trauma

Do MaisPB A Cooperativa de Ortopedia e Traumatologia da Paraíba (Coort-PB) encaminhou nota a imprensa, nesta quarta-feira (28), defende...

Do MaisPB

A Cooperativa de Ortopedia e Traumatologia da Paraíba (Coort-PB) encaminhou nota a imprensa, nesta quarta-feira (28), defendendo o médico que neste final de semana se queixou com vídeos nas redes sociais do mau funcionamento de equipamentos utilizados em procedimentos cirúrgicos no hospital de Trauma de João Pessoa.

Após a exposição do caso na mídia, a direção do Trauma lamentou a suposta exposição que o médico submeteu ao paciente e descartou qualquer tipo de intercorrência na cirurgia divulgada nas redes sociais. O diretor do hospital, Edvan Benevides, prometeu investigar a conduta do profissional e revelou que encaminhará o caso para os Conselhos Regional e Federal de Medicina por considerar tal conduta como antiética.

No entanto, na nota a Coort-PB disse entender “que não houve violação à ética uma vez que o paciente não foi exposto, pelo contrário, o vídeo teve o objetivo de protegê-lo”.
***
#Política #Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários