Aditivo ao edital do CFO Bombeiro Militar isenta doadores de sangue de taxa de inscrição

(Foto: Secom-PB) Do Click PB Um aditivo ao edital de abertura de inscrições da seleção pa...

(Foto: Secom-PB)

Do Click PB

Um aditivo ao edital de abertura de inscrições da seleção para o Curso de Formação de Oficiais Bombeiro Militar, com ingresso em 2016, discorre sobre a isenção da taxa de inscrição para os doadores de sangue da rede hospitalar pública ou conveniada ao Sistema Único de Saúde, conforme lei estadual de número 7.716 de 2004. Os candidatos que se encaixarem nessa categoria devem entregar nos dias 5 ou 6 de janeiro, das 9h às 12h, um requerimento próprio de isenção.

O modelo está disponível no site do Corpo de Bombeiros e também na Diretoria de Pessoal da corporação, no Quartel do Comando Geral, BR -230, Marés, na Capital, mesmo local onde o requerimento deve ser entregue. A relação com o resultado dos pedidos deferidos ou não será divulgada no dia 6 de janeiro, às 15h, no endereço do Corpo de Bombeiros, www.bombeiros.pb.gov.br.

Conforme o edital, as inscrições para o concurso seguem até as 23h59 desta quarta-feira (6), no valor de R$ 50, no www.bombeiros.pb.gov.br. No total, são oferecidas oito vagas com livre concorrência entre os sexos masculino e feminino. A seleção consistirá das seguintes etapas: intelectual (com a nota do Enem 2015), exames psicológicos, de saúde e de aptidão física.

Carreira e remuneração – O ingresso no Curso de Formação de Oficiais Bombeiro Militar (CFO-BM) se dará na graduação de praça especial, como cadete, e ao término, com aproveitamento, o concluinte será declarado aspirante-à-Oficial Bombeiro Militar. Neste período, o cadete já é remunerado com salário que varia de R$ 2.194,54 – no primeiro ano de formação, a R$ 4.760,19, quando da conclusão do curso.

Após um período de estágio probatório de no mínimo seis meses, o bombeiro será promovido ao posto de 2º tenente (com remuneração de R$ 5.955,37), ingressando no Quadro de Oficiais Combatentes do Corpo de Bombeiros Militar do Estado da Paraíba.
***

#Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários