Ministério Público pede a cassação do governador por abuso de poder nas eleições de 2014

Do Blog do Helder Moura O Ministério Público Eleitoral acaba de pedir a cassação do governado...

Do Blog do Helder Moura

O Ministério Público Eleitoral acaba de pedir a cassação do governador Ricardo Coutinho (e também da vice Lígia Feliciano) por crime cometido nas eleições de 2014. Segundo o procurador regional eleitoral João Bernardo da Silva, o governador está incurso nas sanções de inelegibilidade, ante a prática de “abuso de poder político”.

O parecer trata da chamada AIJE (Ação de Investigação Judicial Eleitoral) da PBPrev, que se encontrava no MPE desde 11 de dezembro do ano passado. Essa AIJE, que foi promovida por advogados da coligação A Vontade do Povo, pede a cassação do governador Ricardo Coutinho por supostos abusos, na concessão de favores no ano eleitoral de 2014.

Polêmica – A tramitação dessa registrou um impasse entre o desembargador José Aurélio da Cruz e o presidente da PBPrev, Yuri Simpson Lobato, quanto ao fornecimento de informações, consideradas essenciais pela Justiça Eleitoral.

A PBPrev havia enviado ao TRE um CD-ROM, que deveria conter as informações solicitadas pelo desembargador José Aurélio da Cruz, a respeito de fatos investigados na AIJE que apura irregularidades praticadas pelo órgão para beneficiar a reeleição do governador.

Depois de testado em computador do próprio Tribunal e comprovado que os dados estavam inacessíveis, o TRE solicitou um novo envio dos dados e, segundo o agente dos Correios, houve recusa do recebimento da correspondência.
***

#Política

Você pode gostar também

0 comentários