Presidente da Anatel diz que "era da internet ilimitada" acabou no Brasil

Do Portal IMPRENSA Em entrevista no fim da tarde da última segunda-feira (18/4), em Brasília ...

Do Portal IMPRENSA

Em entrevista no fim da tarde da última segunda-feira (18/4), em Brasília (DF), o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende, afirmou que a era da internet ilimitada acabou.

Segundo a Folha de S.Paulo, a agência explicou que não há possibilidades para que as operadoras forneçam serviços sem um limite. Com a medida, o segmento deverá migrar para o modelo de franquias.

"A oferta tem que ser aderente à realidade. Nem todos os modelos cabem a limitação total do serviço, porque a rede não suporta. Essa questão do infinito acabou educando mal o usuário", disse Rezende.

De acordo com ele, o uso de dados aumentou muito rápido nos últimos anos, em especial, por conta da utilização de serviços de transmissão de vídeos, como YouTube e Netflix, além de jogos online.

Na última segunda (18), a Agência emitiu uma determinação que impede o corte, redução de velocidade ou cobrança extra por parte das operadoras aos clientes que consumiram toda a franquia por 90 dias, até que elas apresentem adequações.

Entre os ajustes, está a disponibilização de uma ferramenta para acompanhar o uso de dados e informar o consumidor quando a franquia estiver terminando. Essas medidas são previstas em lei, pelo menos, desde 2013. A mudança permite que as empresas fiquem livres para vender planos com limite de franquia.
***

#Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários