Xico Sá chama imprensa de “safada” e diz que veículos trabalharam pelo “golpe”

Do Comunique-se A votação do processo de impeachment no último domingo, 17, ganhou destaque n...

Do Comunique-se

A votação do processo de impeachment no último domingo, 17, ganhou destaque na imprensa, que movimentou suas equipes para a cobertura. O trabalho feito pelos veículos brasileiros foi avaliado por Xico Sá (imagem: arquivo pessoal), que chamou a mídia nacional de safada.

O jornalista falou sobre o tema em diversas mensagens publicadas em sua página do Facebook. "Que imprensa safada. Trabalhou pelo golpe parlamentar", escreveu. Em outro post, o profissional lamentou a situação. "Que vergonha amigos jornalistas". Xico seguiu com a avaliação na segunda-feira, 18, e afirmou que a "imprensa brasileira não contava com a imprensa estrangeira", em referência ao conteúdo publicado por veículos internacionais, que criticaram a postura dos deputados federais.

Xico respondeu os comentários dos internautas no Facebook, abrindo espaço para o debate de ideias. Em um dos post, ele lamentou que o "Brilhante Ustra" (Carlos Alberto Brilhante Ustra) tenha sido homenageado durante o voto do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) no processo de afastamento da presidente Dilma Rousseff. "Acho triste que os jornalistas e os portais não façam jornalismo sobre a memória e passado dos crápulas. Por que a imprensa brasileira se omite e não deixa isso claro?", questionou.
***

#SintoniaFina #Política

Você pode gostar também

0 comentários