Na PB é assim: bandidos assaltam banco, agência dos Correios e até delegacia de Polícia nas últimas horas

Do Blog do Helder Moura Na Paraíba, em que o governador prometia acabar com a violência em se...

Do Blog do Helder Moura

Na Paraíba, em que o governador prometia acabar com a violência em seis meses, o bandidos seguem tocando o terror. Nas últimas horas, repetiu-se uma rotina que incluiu assalto a bancos, agência dos correios e até mesmo uma Delegacia de Polícia. Essa tem sido a rotina de violência em várias regiões do Estado, nos últimos anos.

Em Pedra Branca (447 quilômetros de João Pessoa), no Vale do Piancó, os bandidos invadiram a Delegacia de Polícia e levaram um notebook e armas dos policiais.  Foi uma ação digna de Hollywood, que revelou toda a audácia dos marginais que, obviamente, demonstram como não respeitam o aparelho de Segurança do Estado.

Em Taperoá (218 quilômetros de João Pessoa), uma quadrilha explodiu a agência do Banco do Brasil, na madrugada desta segunda (dia 2). A Polícia não conseguiu prender o bando que seguiu em direção a São José dos Cordeiros. Não se tem ainda informações sobre os valores levados pelos bandidos. A população está assustada. É o terceiro assalto nos últimos meses.

Em Belém do Brejo do Cruz (403 quilômetros de João Pessoa), um grupo formado por oito homens invadiu a agência dos Correios e Telégrafos e levou o cofre. Eles utilizaram uma caminhonete na ação, que assombrou a população pela ousadia dos bandidos. Não foi a primeira que a agência foi alvo dos marginais.

Enquanto isso, o governador Ricardo Coutinho “encosta” delegados como Walber Virgulino e Gerson Barbosa, ou ainda exonera Durval Barros (Cuité), por perseguição política. No caso de Walber, ainda resta a ironia no fato do delegado ter sido convidado pelo governador Robinson Faria para assumir uma secretaria de Estado no Rio Grande do Norte.
***

#Política #Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários