Faixa presidencial e outros itens da União sumiram, diz VEJA

Por Talita Abrantes, de EXAME.com Segundo reportagem da revista   VEJA   desta semana, cerca ...

Por Talita Abrantes, de EXAME.com

Segundo reportagem da revista VEJA desta semana, cerca de 4,5 mil itens que fazem parte do patrimônio da Presidência da República estão desaparecidos. Entre eles, a faixa presidencial — item indispensável para uma eventual cerimônia de posse do presidente interino, Michel Temer (PMDB), caso a presidente afastada, Dilma Rousseff (PT), sofra impeachment.

Na lista de objetos sumidos estão computadores, equipamentos de segurança, peças da coleção de prataria palaciana, tapetes persas, porcelana chinesa e pinturas de artistas brasileiros, entre outros. Só no Palácio da Alvorada, residência oficial da presidência, há 391 itens desaparecidos.

A estimativa do Tribunal de Contas da União é de que o prejuízo seja da ordem dos 5,8 milhões de reais.

De acordo com a publicação, a auditoria do TCU começou após a Operação Lava-Jato descobrir um cofre em uma agência bancária em São Paulo reservado para guardar presentes recebidos pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante seu período como chefe do Executivo Federal.

Por lei, presentes trocados entre chefes de Estado devem ser incorporados ao patrimônio da União. Mas a auditoria do TCU revela que tanto Lula quanto Dilma burlaram essa regra.

Segundo a auditoria, entre 2003 e 2010, Lula foi agraciado com 568 presentes, mas só teria deixado nove no Palácio do Planalto. Dilma, por sua vez, teria recebido 163 presentes e deixado apenas seis no patrimônio da presidência. 
***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários