Pacote de maldades: governador exonera cargos indicados pelo PMDB – CONFIRA LISTA

Do Blog do Helder Moura Dentro do pacote de maldades despachado pelo governador Ricardo Coutinho contra o senador Zé Maranhão, após o r...

Do Blog do Helder Moura

Dentro do pacote de maldades despachado pelo governador Ricardo Coutinho contra o senador Zé Maranhão, após o rompimento político do PMDB, constou a demissão de todos os peemedebistas indicados em sua gestão. A edição do Diário Oficial do Estado de 2 de agosto, mas que somente circulou nessa segunda-feira (dia 8), traz a relação de todos os exonerados.

Os cargos, como se sabe, foram indicados pelo PMDB, após o apoio decisivo do partido no segundo turno das eleições de 2014, determinando a reeleição do governador Ricardo Coutinho. Segundo Zé Maranhão, o PMDB sempre foi tratado com parceiro de segunda categoria e, em diversas oportunidades, externou constrangimento com o tratamento dispensado pelo governador. Algo que culminou com o rompimento.

Dentre os demitidos constam o deputado Trócolli Júnior (Secretaria de Articulação Política), que nunca teve orçamento e não é mais do PMDB, Laplace Guedes (Secretaria-Executiva do PAC), que nunca assumiu, Ruy Bezerra Cavalcanti (Diretoria de Engenharia do Detran), na verdade é funcionário de carreira, e Otto Cruz (Diretor Administrativo da Rádio Tabajara).

Houve também a exoneração de Pedro Patrício de Souza (Superintendência da Lotep) e Antônio Carlos Fernandes Régis (Junta Comercial do Estado). Um dos primeiros efeitos será o retorno de Trócolli à Assembleia. Como se sabe, Olenka Maranhão assumiu a deputação com a licença do deputado. Mas, há uma movimentação para que Nabor Wanderley se licencie para permitir a permanência de Olenka na Casa.

Confira a lista do Diário Oficial…



***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários