Com arrecadação inferior às de Zenóbio e Fátima, Josa diz que faz campanha do tostão contra o milhão

Entre os três principais candidatos a prefeito de Guarabira, Josa da Padaria (PSB), da Coligação ...

Entre os três principais candidatos a prefeito de Guarabira, Josa da Padaria (PSB), da Coligação Guarabira que o Povo Quer, foi o que declarou menor receita de campanha, fechando a primeira parcial da prestação de contas exigida pela Lei Eleitoral com dívidas para saldar. O socialista informou uma arrecadação de R$ 24,8 mil reais, contra R$ 27,1 mil de despesas.

A candidata da Coligação Guarabira Cidade do Bem, Fátima Paulino (PMDB), arrecadou quase R$ 110 mil. Segundo ela, os gastos de sua campanha só chegaram a R$ 27,1 mil. Já Zenóbio Toscano (PSDB), da Coligação A Vitória do Trabalho, foi o que mais arrecadou e gastou. Sua receita passou de R$ 175 mil, enquanto que a despesa somou mais de R$ 107 mil.

De acordo com Josa da Padaria, os dados envolvendo a receita e as despesas dos principais candidatos provam que ele faz a campanha do tostão contra o milhão. “É visível a superestrutura dos adversários. Mas, mesmo assim, temos reunido mais gente nos nossos eventos, numa demonstração da sede de mudança que Guarabira tem”, afirmou.

Josa ainda disse que o fato de ser o candidato que tem o apoio do governador não lhe garante uma estrutura maior de campanha. “Nossa relação é pautada nas ideias e no compromisso das parcerias que faremos pra mudar Guarabira. Ricardo não faz campanha rica nem pra ele. Com o governador, o que vale é o trabalho”, ressaltou. (Blog do Ikeda, com assessoria)
***

#Política #Eleições2016

Você pode gostar também

0 comentários