Malafaia se defende: “se eu receber dinheiro de bandido, sou bandido?”

Polêmica PB O pastor da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, Silas Malafaia, usou seu perfil no Twitter, na manhã desta sex...

Polêmica PB

O pastor da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, Silas Malafaia, usou seu perfil no Twitter, na manhã desta sexta-feira (16), para comentar acerca da operação da Polícia Federal deflagrada para investigar fraudes em royalties.

O eclesiástico é suspeito de apoiar na lavagem do dinheiro do esquema, que recebeu valores do principal escritório de advocacia investigado. A suspeita a ser esclarecida pelos policiais é que este líder religioso pode ter “emprestado” contas correntes de uma instituição religiosa sob sua influência com a intenção de ocultar a origem ilícita dos valores.

Em sua defesa, Malafaia afirmou que receber dinheiro de um suposto “bandido”, sem conhecimento disso, não o torna um bandido. O líder religioso aproveitou para criticar a condução coercitiva: não poderiam ter me chamado para depor?”, questionou.

Confira:



***
#Política 

Você pode gostar também

0 comentários