Tempos sombrios para a UEPB: mas, afinal, o que o governador tem tanto contra a Universidade?

Blog do Helder Moura Não satisfeito em cortar os repasses da UEPB, o governador Ricardo Coutinho tem escalado seus secretários para a...

Blog do Helder Moura

Não satisfeito em cortar os repasses da UEPB, o governador Ricardo Coutinho tem escalado seus secretários para afrontar o reitor Rangel Júnior. Aconteceu, há poucos dias, com o secretário Luiz Torres (Comunicação), que, seguindo a cartilha do governador, questionou a administração de Rangel, afirmando que a crise da Universidade seria uma questão de gestão.

Na verdade, cada nova ação do governador, direta ou indiretamente usando auxiliares, tem sido no sentido de desqualificar a Instituição. E fica a indagação: afinal, o que o governador Ricardo Coutinho tem tanto contra a Universidade Estadual da Paraíba? Desde que assumiu o Governo, todos os seus atos em relação à UEPB têm sido todos no sentido de enfraquecer a Universidade?

Será que age assim porque quem promoveu a estadualização da UEPB foi o ex-governador Tarcísio Burity? Ou porque foi o ex Zé Maranhão quem dotou a Instituição de uma sede própria? Ou ainda porque o ex Cássio Cunha Lima implantou sua autonomia financeira e administrativa? Ou todas as alternativas. A preço de hoje, sua maior obra, pelo que se vê, é tentar fechar a UEPB.
***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários