Reitor da UEPB indaga após listão dos codificados do Governo RC: “E querem me ensinar sobre gestão pública?”

Blog do Helder Moura A divulgação do listão dos 8.585 codificados do Governo Ricardo Coutinho provocou reações de várias ordens em to...

Blog do Helder Moura

A divulgação do listão dos 8.585 codificados do Governo Ricardo Coutinho provocou reações de várias ordens em todo Estado. Há queixas generalizadas, nas redes sociais, de pessoas afirmando que, apesar de seus salários constarem um determinado valor, elas recebem a menos. E há reações abalizadas como a do reitor Rangel Júnior.

Atacado pelo governador e seus auxiliares, de que estaria desenvolvendo uma “má gestão” à frente da Universidade Estadual da Paraíba, o reitor comentou apenas, após a divulgação do listão: “E querem me ensinar sobre gestão pública ou transparência? É pra rir ou pra chorar?” Há poucos dias, Rangel solicitou uma auditoria nas contas da UEPB pelo Tribunal de Contas do Estado e Controladoria-Geral do Estado.

Segundo o reitor, as reiteradas declarações do governador e auxiliares, indicando má gestão, objetivam convencer a opinião pública de que a Universidade está administrando mal os recursos. Diante disso, é importante a realização de uma auditoria, para verificar extensão da acusação.
***

#Política

Você pode gostar também

1 comentários

  1. O reitor Rangel Jr. fez bem em indagar sobre esse esquema de contratar sem contratar...isso esconde lisuras de quem e quantos são...quanto e como ganham...segue mais sobre o tema em meu blog: http://guarabira50graus.blogspot.com.br/2017/05/mais-de-8-mil-e-500-codificados-no.html

    ResponderExcluir