Por que RC ataca tucano sempre que seu adversário favorito é destaque nacional?

Blog do Helder Moura Quem acompanha a cobertura política na Paraíba não deixa de se impressionar como o governador Ricardo Coutinho e...

Ricardo Coutinho nas sombras
Blog do Helder Moura

Quem acompanha a cobertura política na Paraíba não deixa de se impressionar como o governador Ricardo Coutinho exerce uma marcação cerrada ao senador Cássio Cunha Lima. Sempre que o tucano tem algum destaque nacional, o governador abre fogo. Pode até nem ser, mas o governador termina passando a impressão de que tem despeito ou até inveja do senador.

O último episódio se deu, por exemplo, a partir de declarações do senador, que repercutiram nacionalmente, afirmando que a situação política do presidente Temer é terminal e que os generais de seu partido, o PSDB, deveriam seguir o desejo da infantaria tucana pelo afastamento do Governo, inclusive já a partir da entrega dos cargos (quatro ministérios).

O governador nem esperou a poeira assentar e já partiu para o ataque contra o senador. No final de semana, durante passagem por Cajazeiras, onde o PSB promoveu um encontro, o governador voltou a atacar seu adversário, ironizando que ele nunca trabalhou, porque só vive de política, “e nunca deu um prego numa barra de sabão”. E, neste particular, ao tempo que revelou despeito com o tucano, o governador também escorregou.

Afinal, quem acompanha a trajetória de Ricardo Coutinho sabe do quanto nas duas últimas décadas, pelo menos, ele vive exclusivamente de política. Sua passagem como funcionário (farmacêutico) da UFPB foi meteórica e, desde 1992, quando se elegeu vereador pela primeira vez, tem vivido exclusivamente de política. Talvez tenha sofrido um surto de amnésia ao se referir ao seu adversário favorito.
***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários