Prefeito Zenóbio quer realizar festival de teatro ainda este ano em Guarabira, diz fonte

Atenção, respeitável público! Para tentar se redimir da ‘inércia administrativa’ bastante evidente na área de cultura, por exemplo, uma f...

Atenção, respeitável público! Para tentar se redimir da ‘inércia administrativa’ bastante evidente na área de cultura, por exemplo, uma fonte nos revela que o prefeito de Guarabira (PB) Zenóbio Toscano (PSDB) quer que o teatrólogo Tarcísio Pereira, recém-convidado para auxiliar Percinaldo Toscano na Secretaria de Cultura do município, organize um festival de teatro ainda este ano. 

No entanto, o teatro Geraldo Alverga carece de melhorias externas e, principalmente, internas: a acústica no recinto não é boa e o som improvisado também é péssimo; como não há climatização, os ventiladores fazem barulho; já as poltronas... uma parte estava precisando de reparos, como este blog já publicou; os equipamentos de operação estão obsoletos e isso compromete o trabalho artístico. Invista no teatro, prefeito!  

O último festival de teatro de verdade que aconteceu em Guarabira ocorreu na gestão da ex-prefeita Léa Toscano – atual primeira-dama, quando Marisa Alverga, aliada do prefeito que hoje vive ‘esquecida’ pela gestão, era secretária de Cultura de Guarabira. Eu recordo: foi um evento e tanto, de alto nível - bem à altura do que a cidade merecia naquele momento. O público compareceu. Eu estava lá.

O projeto “Vamos ao teatro” – idealizado para ‘criar público’ no teatro aos finais de semana -, não foi pra frente, assim como o extinto projeto musical “Quinta tem talento (QTT)”. Fora esses dois, eu não recordo de outro projeto interessante desenvolvido pelo Poder Executivo municipal: tipo, editais para lançamento de CDs, livros - teve um edital, apenas, para uma coletânea poética -, incentivo ao teatro... Não tem nada. E se tem, cadê o resultado? 

Pela mídia feita pela Coordenação de Comunicação, quem não conhece Guarabira pensa que a cidade vive realmente um novo momento cultural onde o artista local é prestigiado pelo poder público. #SQN A gestão, de fato, reformou e reparou alguns prédios públicos – como o Casarão da Cultura, que embora inacabado, virou cartão-postal -, porém falta humanizar a cultura de uma forma que gere renda ao artista local. #Cultura 

Você pode gostar também

0 comentários