Seguranças do governador barram concursados em Patos durante solenidade: 'Espécie de ditadura'

Blog do Helder Moura O governador Ricardo Coutinho foi surpreendido, na tarde dessa terça (dia 31), em Patos, por dezenas de concursa...

Concursados da PM em Patos 31out2017
Blog do Helder Moura

O governador Ricardo Coutinho foi surpreendido, na tarde dessa terça (dia 31), em Patos, por dezenas de concursados da Polícia e Bombeiro Militar. Eles foram acompanhados de familiares para cobrar as suas nomeações, durante inauguração do 4º BBM (Batalhão de Bombeiro Militar) e do Comando Regional do Bombeiro Militar.

Os concursados foram impedidos de se aproximar do governador, mas seguiram com a manifestação portando faixas e cartazes. Segundo os concursados, o governador tem se recusado a receber representantes da categoria para debater sobre suas contratações. São 800 concursados remanescentes do último concurso, do qual o governador só nomeou 320.

Ditadura – Revoltados por terem sido barrados pela segurança do governador, representantes do movimento falaram à Imprensa: “Infelizmente nós fomos impedidos de se locomover como numa espécie de ditadura! Não estamos aqui para atrapalhar a inauguração, mas sim para pedir ao Governador para atender a demanda. Não adianta criar batalhão sem contingente… Agreste e Sertão são os mais prejudicados pela falta de convocação”.

E ainda: “Nós não entendemos por quê da Guarda Militar do governador do Estado não nos permite entrar com as faixas na solenidade! Foi alegado que seria medida de segurança, porém, a gente disse que iria tirar o pau das faixas, iria entrar sem fazer grito de ordem, só iriamos estender nossas faixas… Eu não entendo qual a lei que existe que proíba o cidadão de impedir uma faixa?”
Mais com patosonline.com (em https://goo.gl/AHxma7)
***

#Política 

Você pode gostar também

0 comentários