Superlua azul de sangue surge pela primeira vez em 150 anos dia 31

Curiosa Mente, Diário de Pernambuco No dia 31 de janeiro de 2018 será possível observar no céu a segunda Superlua do ano, desta vez...


Curiosa Mente, Diário de Pernambuco

No dia 31 de janeiro de 2018 será possível observar no céu a segunda Superlua do ano, desta vez combinada com os fenômenos da lua de sangue e lua azul, um combo que não se repete há 150 anos. Em plena quarta-feira, evento vai contar com uma programação especial para observação.

Para aqueles que querem observar o fenômeno, ocorrerá um luau astronômico no campo de futebol da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos, a partir das 18h. O evento, organizado pela equipe do departamento de física da universidade, também contará com uma peça de teatro para a Lua.

O fenômeno é chamado de Lua Azul, quando existem duas Superluas no mesmo mês, fato registrado a cada dois anos e meio. De acordo com o professor de física da UFRPE Antônio Carlos Silva haverá também um eclipse total, que configura a tal “lua de sangue”, mas desta vez, o fenômeno não será visto do Brasil. “É uma pena não podermos observar o eclipse total da superlua azul. O fenômeno só será observado da Ásia. Porém, a lua estará maior e mais brilhante, permitindo uma linda observação, apesar da lua não se transformar em um bola azul”, comenta.
***

#Sociedade

Você pode gostar também

0 comentários