Para Maranhão, justiça brasileira precisa ser mais severa para punir criminosos

Click PB Para o senador José Maranhão (MDB), acredita que apenas uma reforma radical na área da segurança pública pode reverter o cenár...

Click PB
Para o senador José Maranhão (MDB), acredita que apenas uma reforma radical na área da segurança pública pode reverter o cenário da violência que o país enfrenta hoje.
"Um ente federativo não pode assistir de braços cruzados. Estados e municípios não tem recursos para enfrentar um desafio desse tamanho. É preciso ter participação efetiva do Governo Federal. Só assim isso vai se reverter. É necessário estabelecer normas de prioridade. Precisamos ter esta consciência, de que precisamos de uma reforma radical", afirmou o senador.
Para o senador a legislação brasileira deixa a desejar  com relação à condenação de criminosos. Segundo ele é necessário enfrentar esta "frouxidão".
"A lei penal tem um tratamento frouxo com relação à prática de crimes. Não há, no curso da pena, nenhum criminoso que pague pelo menos 50% da pena a que foi condenado. O Congresso Nacional precisa mudar isso. O país não pode ficar nessa frouxidão. Foi isso que nos trouxe à situação em que nos encontramos hoje", declarou.
Para ele a intervenção não passa de uma solução paliativa e que é necessário restaurar a confiança do povo na justiça brasileira.
"O cidadão não pode fazer mais nada. Não sente segurança nem para dar um depoimento sobre um crime, pois tem medo da retaliação dos bandidos. O cidadão se sente desestimulado para contribuir com a polícia. A situação da intervenção é temporária. você coloca uma força pública que não foi treinada para estar nas ruas, não recebeu treinamento para ser uma força policial. Quando deixarem as ruas os bandidos voltam a ocupar. Precisamos nos unir, todos, para mudar esta realidade. O Brasil precisa modificar todo o aparelho policial, adaptando técnicas policiais dos países desenvolvidos", concluiu.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários