Presidente da CUT-PB prevê que decisão do STF afetará 70% dos sindicatos

Click PB Os ministros do Supremo Tribunal Federam ratificaram nesta sexta-feira (29) o item da nova lei trabalhista e confirmaram o fim...

Click PB
Os ministros do Supremo Tribunal Federam ratificaram nesta sexta-feira (29) o item da nova lei trabalhista e confirmaram o fim da obrigatoriedade do imposto sindical. Com a decisão, as ações e políticas do movimento sindical da Paraíba, principalmente do setor privado sofrerão um impacto de cerca de 70% em sua receita.
Segundo o presidente da Central Única dos Trabalhadores da Paraíba (Cut-PB), Paulo Marcelo, a decisão já era esperada e o movimento sofre com a diminuição da receita desde a aprovação da Reforma Trabalhista. " O impacto gerado com a decisão do Supremo Tribunal Federal causará um transtorno violento na administração dos sindicatos, principalmente nos sindicatos menores que tem um percentual baixo de associados nas suas categorias", explicou.
Ainda destacou que, aqueles sindicatos representantes de trabalhadores do setor privado sentirá um impacto ainda maior, "mais de 70% do movimento sindical do setor privado irá sofrer um grande impacto com sindicatos que não poderão mais desenvolver nenhum tipo de ação ou política de luta em defesa dos trabalhadores", salientou.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários