TCE intima secretário após auditoria apontar irregularidades na aplicação de recursos da Secom

Blog do Helder Moura O secretário Luís Inácio Torres (Comunicação) foi intimado pelo Tribunal de Contas do Estado, para prestar escla...


Blog do Helder Moura
O secretário Luís Inácio Torres (Comunicação) foi intimado pelo Tribunal de Contas do Estado, para prestar esclarecimentos sobre novas irregularidades identificadas na aplicação de recursos pela Secretaria de Comunicação do Estado. As irregularidades foram apontadas após dois alertas emitidos pelo conselheiro Marcos Antônio Costa, relator da prestação de contas de 2017.
No documento do TCE, consta que as irregularidades se reportam a gastos de R$ 1,9 milhão relativos a despesas com “Comunicação e Divulgação” sem, porém, informar a identificação dos credores no portal de transparência do Governo do Estado. O segundo alerta trata da falta de comprovação para despesas de duas notas de empenho, com os valores de R$ 180 mil e R$ 150 mil.
Conforme apurou o jornalista Marcelo José (marcelojose.com.br), “as duas notas fiscais como sendo referente a locação de palco, tablado, tendas e arquibancadas para eventos, mas na nota de empenho não constava qual o evento, a data do evento e o local. Apenas constava na nota que se referia ao contrato 011/2012. O TCE deu prazo de 15 dias para que os problemas contábeis sejam sanados.
Grécia – Até onde o Blog pode apurar, o secretário ainda não teria atendido à intimação do TCE, por se encontrar em viagem à Grécia, conforme postagens em redes sociais.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários