MDB nacional deixa Roberto Paulino sem fundo de campanha: “Se todos têm direito, por que eu não?”

Click PB O candidato ao Senado, Roberto Paulino (MDB), lamentou e disse que “entrega a Deus” a decisão sobre o Fundo Especial de Financ...

Click PB
O candidato ao Senado, Roberto Paulino (MDB), lamentou e disse que “entrega a Deus” a decisão sobre o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC) e sua candidatura. Pelo documento do MDB nacional registro junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o recurso será destino aos que tentam a reeleição nas eleições de 2018.
Como Paulino não tem mandato atual, ele sai prejudicado da distribuição da verba. “Não sei o motivo. Sou gente. Sou candidato. Se os outros têm direito, por que eu não?”, desabafou Roberto Paulino ao ClickPB.
Ele contou ao ClickPB que já esperava esse posicionamento em âmbito nacional e disse que quem deve saber melhor sobre a decisão do dinheiro é o tesoureiro estadual do MDB, Antônio de Souza, e o presidente e candidato a governador, Zé Maranhão.
“Entrego a Deus. Tenho a benção de Deus, paciência para ver no que vai dar”, disse o candidato a senador pela Paraíba.
A medida atinge até o candidato a presidente, Henrique Meirelles (MDB).



***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários