Defensoria-Geral desautoriza servidores de denunciarem à Justiça distribuição de propaganda eleitoral em nome do órgão

Blog do Helder Moura O defensor-público-geral-adjunto do Estado, Ricardo Barros, enviou mensagem ao Blog, afirmando que a Defensoria Ge...

Blog do Helder Moura
O defensor-público-geral-adjunto do Estado, Ricardo Barros, enviou mensagem ao Blog, afirmando que a Defensoria Geral do Estado não recebeu “nenhum material de propaganda eleitoral distribuído pelo governo do Estado” e nem autoriza servidores a protocolarem qualquer denúncia, especialmente de cunho eleitoral, em nome do órgão.
Como se sabe, defensores postaram em redes sociais imagens e vídeos de material eleitoral distribuído em repartições, e anunciaram denúncia contra o governo do Estado junto à Justiça Eleitoral. (mais em https://goo.gl/BQ399G)
Mas, segundo Ricardo Barros, “o fato denunciado não é do conhecimento do órgão Defensoria Pública, como também da Defensora Geral do Estado”. Ou seja, os defensores que tiveram a iniciativa da denúncia não falam em nome da Defensoria Pública, enquanto instituição.
Nos mesmos termos se pronunciou a defensora pública chefe, Madalena Abrantes.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários