Haddad entregará carta de compromisso para atrair evangélicos

Fernando Haddad se reunirá nesta quarta-feira com lideranças evangélicas em São Paulo Foto: PAULO WHITAKER / REUTERS Por Sérgio Roxo, ...

Fernando Haddad se reunirá nesta quarta-feira com lideranças evangélicas em São Paulo Foto: PAULO WHITAKER / REUTERS
Fernando Haddad se reunirá nesta quarta-feira com lideranças evangélicas em São Paulo Foto: PAULO WHITAKER / REUTERS

Por Sérgio Roxo, O Globo

Com baixa votação entre os evangélicos , o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad , vai apresentar nesta quarta-feira uma carta para eleitores fieis das igrejas desse segmento. No documento, o petista assumirá o compromisso de não enviar ao Congresso nenhum projeto para legalização do aborto .

De acordo com pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira, Jair Bolsonaro (PSL) tem 74% dos votos válidos entre os evangélicos contra 61% no computo geral da população. Desde a última semana do primeiro turno, uma série de líderes vem declarando apoio ao presidenciável do PSL.

Nesta quarta-feira, Haddad terá um encontro em um hotel de São Paulo com lideranças evangélicas. A carta, em que o candidato também se comprometerá em não propor alegalização das drogas , deve ser lida no encontro.

A campanha petista se queixa que adversarios têm espalhado fake news para esse segmento de eleitores. Uma delas apresenta Haddad como responsável por distribuir nas escolas o chamado " kit gay " quando ministro da Educação. O material polêmico foi proposto, mas nunca chegou às escolas porque foi vetado pela Presidência. Era destinado aos alunos do ensino médio e tinha como objetivo combater a homofobia .

Na segunda-feira, o ministro Carlos Horbach, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), determinou a suspensão de links de sites e redes sociais com a expressão usada por Bolsonaro. A campanha de Haddad avalia que historicamente o PT tem boa conexão com o eleitorado evangélico, mas nesta disputa a relação foi prejudicada por causa das fake news.

***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários