Na Guarabira FM, há 15 anos: Sou grato a Deus por ter chegado até aqui

No início, quando eu ainda tinha cabelo Acreditem. De coração, eu louvo a Deus todos os dias pela vida. Também por sua graça, que me ...

No início, quando eu ainda tinha cabelo


Acreditem. De coração, eu louvo a Deus todos os dias pela vida. Também por sua graça, que me motiva a viver; e por sua misericórdia sobre mim. Louvo e agradeço pelos dons e talentos que ele me deu. E os dons de Deus são irrevogáveis (Romanos 11: 29). Peço, humildemente, que ele me ajude a ser uma pessoa melhor e a usar meus dons talentos para tornar outras pessoas melhores.

Eu sou muito grato a Deus pela voz. Ela é a mais autêntica expressão da minha alma. Estou, aos poucos, aprendendo a usá-la a cada dia. E também pelo exercício da escrita, agradeço. Minha gratidão pelas profissões que escolhi, e pela capacidade técnica de me comunicar. Eu acredito que “o princípio básico é a comunicação”, como escreveu o músico paraibano Escurinho, em uma de suas lindas canções.

De verdade, sou muito agradecido ao Deus que nos enche do espírito da sabedoria (Êxodo 28: 03), por poder exercer meu ofício com liberdade numa grande emissora como a Rádio Guarabira FM (Correio Sat), empresa séria que me acolheu há pouco mais de 15 anos.

Eu recordo que quando fui admitido na rádio, minha meta pessoal era alcançar os 10 anos na empresa. Consegui! Eu pensava comigo que alcançando a meta, se dispensado depois, já sairia feliz, principalmente por ter feito história como primeiro locutor e mostrado meu trabalho.

Hoje posso dizer que até aqui me ajudou o Senhor: lá se vão 15 anos no ar. Anos de muito aprendizado. E eu continuo feliz, fazendo o que amo: #rádio. Sigo aprendendo, sempre. E buscando transmitir alegria, mas sem faltar com a verdade que o ouvinte ou o colega precisa saber. Isso faz parte.

Tenho sido agraciado, acredito - tanto por poder exercer minha profissão numa afiliada do Sistema Correio, quanto por ter trabalhado e ainda trabalhar com grandes profissionais da voz. Minha gratidão a Deus, pelas amizades leais - dentro e fora da empresa.

Eu vou continuar agradecendo, dessa vez aos ouvintes e patrocinadores que acreditam no meu trabalho e investem no “programinha”, cuja fórmula – que lida com números e contra a ‘ditadura do tempo’, tem sido aprimorada ao longo desses 15 anos.

Se Deus permitir, se a empresa me quiser em seus quadros e se a direção me aturar, ainda gostaria de continuar comunicando pelo prefixo ZYT 716, em 90,7 Mhz e também pela internet. Eis-me aqui, portanto, para continuar tentando fazer a diferença.

Por fim, já sou muito grato a Deus e feliz por ter chagado até aqui. É sério. E como diz a canção “Estrada”, da banda Cidade Negra: “Você não sabe o quanto eu caminhei, pra chegar até aqui...”

Parabéns, Guarabira FM! Parabéns, colegas! Obrigado a todos! #SintoniaFina


Você pode gostar também

0 comentários