Ruy diz que faltou autocrítica do partido e sentencia: 'ou o PSDB se reinventa ou vai para a inanição'

Click PB O deputado federal eleito pela Paraíba, Ruy Carneiro, disse que faltou ao PSDB fazer uma autocrítica e que o seu partido “se c...

Click PB
O deputado federal eleito pela Paraíba, Ruy Carneiro, disse que faltou ao PSDB fazer uma autocrítica e que o seu partido “se calou” quando estourou o escândalo com as propinas pagas pela JBS a tucanos. O atual presidente do PSDB na Paraíba ainda sentenciou: “Ou o PSDB se reinventa ou vai para a inanição.”
Ruy fez as declarações em entrevista à rádio Arapuan, nesta quinta-feira (8). “O PSDB é crítico da corrupção do PT e, de repente, aconteceu no nosso partido. O PSDB se calou.”
Ele ainda lembrou da relação do partido com o governo Temer. “O PSDB mergulhou num discurso mentiroso. Quis dar governabilidade indicando três ministros. O amor de parte do partido ao governo e aos cargos fizeram eles ficar. Essa parte prejudicou o todo”, disse Ruy referindo-se ao resultado nas eleições como sendo reflexo do comportamento dos partidários na gestão de Temer.
Ruy Carneiro disse ainda que a candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) foi prejudicada nas Eleições 2018 porque não esteve nem do lado de Fernando Haddad (PT) e nem do lado de Jair Bolsonaro (PSL). Ele argumentou, com outras palavras, que os candidatos a presidente diretamente relacionados à coligação A Força da Esperança, que eram Marina Silva (PV) e Geraldo Alckmin (PSDB), não emplacaram como os do PSL e do PT, que disputaram o segundo turno.
“A candidatura do PSDB (para a Presidência) não emplacou”, declarou Ruy Carneiro.
Ruy disse também que Cássio Cunha Lima vai sim comandar o PSDB no estado e que sua saída já é certa porque seu mandato no comando do partido está terminando.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários