Trabalho voluntário mantém 'seleção de ouro' em Guarabira; time tem bons resultados, mas segue sem apoio

Você sabia que em Guarabira (PB) há uma seleção infantil de futebol de salão que vem se destacando com a bola no pé? No entanto, apesar ...


Você sabia que em Guarabira (PB) há uma seleção infantil de futebol de salão que vem se destacando com a bola no pé? No entanto, apesar dos resultados positivos em quadra, a equipe segue disputando sem apoio. Criada em maio de 2018, a seleção “Meninos de Ouro Guarabira” conta, atualmente, conta com 30 crianças, de 6 a 10 anos, que compõem três categorias - sub 07, sub 09 e sub 10 - com perspectiva de futuro no futsal.

O esforço é grande para manter a equipe em atividade representando a cidade de Guarabira e a região, tendo em vista, sobretudo, que o trabalho é voluntário. Sob os cuidados do professor Neto Fraga, auxiliado por mais 04 professores, o time segue alcançando bons resultados em competições dentro e fora do estado.

Em outubro, por exemplo, segundo o técnico, os “Meninos de Ouro” participaram de uma copa que reúne equipes de todo o Nordeste, em João Pessoa. A equipe de Guarabira ganhou por 6X1 do Náutico de Pernambuco. E já começaram novembro ganhando do Cabo Brando de João Pessoa, por 3X2.

Para entrar na equipe “Ouro" de futsal, o candidato é avaliado tecnicamente. Mas também deve estar devidamente matriculado em escola, ter bom comportamento em sala de aula, garantir boas notas no boletim – se faltar, não joga! – e treinar corretamente conforme a instrução dos professores.

Os treinos ocorrerem nos ginásios do Sesc, do Polivalente e do Colégio Estadual de Guarabira. Na segunda, terça e quinta-feira tem treino tático - com bola. O treino físico se dá na segunda e quarta-feira - nas areias da AABB. Há custos para os treinos - pela locação de alguns espaços.


Em relação a apoio, o professor Fraga confirmou ao Caderno de Matérias, em entrevista no sábado (03), que o time ainda não tem patrocínio. No momento, os meninos contam, apenas, com ajuda dos pais e incentivo dos professores.

“Por enquanto, são os pais que estão apoiando. Porém, a agente não procurou muitas pessoas ainda. Estamos no início do projeto, se organizando, planejando para saber como vai ficar a situação. Tem sido um trabalho voluntário, onde nenhum professor tem salário. Todo mundo trabalha voluntário em prol do esporte e dessas crianças”, relatou.

Ao ser perguntado sobre o futuro dos garotos na equipe M.D.O., Neto Fraga respondeu que vale a pena investir nos garotos, para que sejam não somente desportistas, mas cidadãos de bem. “Nosso objetivo não é só futsal, e sim formar cidadãos. E nós também temos contatos com grandes clubes do Brasil”, reforçou.

Nesta terça-feira (06), nos grupos de WhatsApp, o pessoal compartilhou o 'desabafo' da mãe de dois garotos da seleção. Emanoela Karla usou as redes sociais e protestou pela falta de apoio por parte da Prefeitura de Guarabira. Ao blog, ela relatou que queria, pelo menos, mostrar o projeto ao secretário de Esportes, mas não conseguiu. Veja a postagem na íntegra:


O time busca patrocínio para custear a viagem à Pernambuco, onde será realizado um campeonato no fim de novembro. Muitos internautas comentaram no post da Emanoela. Alguns torcem para que o prefeito Zenóbio Toscano (PSDB) tome conhecimento do fato e passe a apoiar o projeto.

O blog tentou contato com o secretário de Esportes Humberto Santos para registrar sua versão sobre o fato. O contato foi feito na manhã desta terça-feira (06), via Facebook - que foi visualizado, mas ele não retornou até o fechamento da matéria. 

Para conhecer um pouco mais sobre as atividades e a agenda da equipe “Meninos de Ouro Guarabira”, basta seguir o perfil - de mesmo nome - no Instagram. #Sociedade #Esporte

Você pode gostar também

1 comentários