Após 9 dias do novo Governo, Raniery Paulino pede que João tenha ‘estilo próprio’; Hervázio diz que oposição ‘não tem crédito’ para dar conselhos

Polêmica PB Deputados de oposição e situação enxergam de maneiras distintas a primeira semana do Governo João Azevedo (PSB). Nesta quar...

Hervázio e Raniery - Após 9 dias do novo Governo, Raniery Paulino pede que João tenha 'estilo próprio'; Hervázio diz que oposição 'não tem crédito' para dar conselhos
Polêmica PB
Deputados de oposição e situação enxergam de maneiras distintas a primeira semana do Governo João Azevedo (PSB). Nesta quarta-feira (09), o deputado Raniery Paulino (MDB) sugeriu que o governador precisa adotar um estilo diferente do ex-governador Ricardo Coutinho. Já o deputado Hervázio Bezerra afirmou que o governo é de continuidade e que a oposição ‘não tem crédito’ para dar conselhos.
À reportagem do programa Arapuan Verdade, Raniery Paulino afirmou que é importante que João Azevedo adote sua própria personalidade e que seja ‘democrático’ na relação com os demais poderes.
“Nitidamente um governo de continuidade, com poucas alterações. Fica nessa primeira semana essa observação, fica aí a expectativa de que ele possa imprimir o seu próprio estilo. Eu acho interessante que cada governante tenha sua autonomia e tenha sua personalidade, mas desejo êxito, naturalmente sou paraibano, desejo exito ao Governo João Azevedo. (…) Espero que o estilo seja diferente, seja mais democrático, que respeite mais oposições. Enquanto integrante de outro poder, estou imbuído nesse sentimento”, defendeu Raniery.
Já para o deputado estadual Hervázio Bezerra (PSB), que desempenhou o papel de líder no governo de Ricardo Coutinho, é natural que João dê continuidade ao projeto da gestão passada. Ele acrescenta que João Azevedo não vai ouvir o conselho da oposição para ser “diferente” de Ricardo.
“Tudo dentro dos padrões normais. João conhece o Governo como ninguém. Ele incorporou de maneira muito forte o Governo Ricardo, por ser uma das principais peças do Governo, e obviamente vem dando sequência as obras, vem tocando bem a parte política.  João não vai tomar esse conselho, porque a oposição não tem crédito para dar conselho a ninguém. A oposição foi massacrada nas urnas, então a oposição continua insistindo nos mesmos erros. Nós torcemos para que eles continuem com o mesmo entendimento, e vão apanhar sempre”, pontuou Hervázio.
***
#Política

Você pode gostar também

0 comentários